Nota de Repúdio (atualizada em 11/11/21)

7 de novembro de 2021
Nota de Repúdio

CBTMARCIAL – Confederação Brasileira de Taekwondo Marcial vem a público repudiar as afirmações do Sr. Sylvio Penna Ramos da Cruz que em um programa postado no YouTube disse que o Mestre Woo-Jae Lee apareceu “vendendo Dan de Taekwondo,” na época em que os dois se encontraram, quando o Mestre Lee, voltou a vida pública do Taekwondo.

Sendo o Mestre Lee um dos pioneiros do Taekwondo no Brasil introdutor da luta no Rio de Janeiro e fundador da Confederação Brasileira de Taekwondo Marcial, teve sua honestidade e integridade colocada em dúvida com a afirmação de venda de Dan de Taekwondo.

A CBTMARCIAL veementemente reprova tal afirmação e vem a público exigir que seja apresentado provas de vendas de Dan, como sendo algo concedido sem avaliação técnica, sem teste de conhecimento de técnicas, de prova dura, testes estes que levam a reprovação se não houver o preparo necessário para ser devidamente aprovado para a mudança de Dan, por mérito próprio e não aprovação por pagamento que é o que está implícito na afirmação do Sr. Sylvio Cruz, quando disse sobre mestre Lee vender Dan.

Outrossim, afirmamos que por ser o Mestre Lee, mentor e mestre de inúmeros alunos, professores, mestres e grãos mestres no Brasil e no mundo, tem sua reputação manchada por uma afirmação sem provas, sem fundamentos de verdade, uma afirmação irresponsável, que causa danos morais e materiais à pessoa do Mestre Woo-Jae Lee, aos mestres e grãos mestres que são membros da CBTMARCIAL.

Levando as afirmações supra cita a causar danos morais, difamação e danos financeiros e materiais por estar implícito também que existe então algum tipo de falsidade ideológica em venda de Dan que é feito pelo mestre Lee, portanto o Sr. Sylvio Cruz é desafiado a apresentar provas como evidências da afirmação ou se retratar publicamente por meio de vídeo, a ser devidamente postado em redes sociais, juntamente com um pedido formal de desculpa.

Diretoria Executiva
Confederação Brasileira de Taekwondo Marcial


Retratação Pública

Atualizada em 11 nov 2021

Assuntos Relacionados

Categorias